Onde dá a Bola?

Artigo de Opinião

Quer escrever artigos de opinião? Contacte-nos aqui!.

Lateral direito a caminho do SL Benfica - Tyronne Ebuehi

Mercado de Inverno Liga NOS

Lateral direito a caminho do SL Benfica - Tyronne Ebuehi

Têm-se repetido as notícias sobre a contratação de um lateral direito mais ou menos desconhecido para o SL Benfica. Ainda não há confirmação se este vai fazer parte do plantel já neste defeso ou se vem apenas na próxima época, há até quem diga que isso está dependente da saída ou não de Douglas do plantel já em Janeiro. 

Falamos de Tyronne Ebuehi, Nigeriano nascido na Holanda de 22 anos que representa o ADO Den Haag, oitavo classificado da Liga Holandesa que joga regularmente como lateral direito no seu clube e por duas vezes na selecção Nigeriana, em jogos amigáveis. Sendo um perfeito desconhecido decidimos tentar perceber o que contratou o SL Benfica. Começámos por olhar para os números desta época do jovem defesa e fizemos uma pequena comparação com o actual titular do lugar no Benfica, André Almeida.

Defensivamente parece que André Almeida está genericamente melhor do que Ebuehi. O Nigeriano fica à frente apenas nas recuperações de bola com uma diferença significativa de quase duas recuperações por 90 minutos. Nos desarmes a diferença é pequena e têm ambos bons números (André Almeida era há pouco tempo o melhor das principais ligas europeias). Nos duelos aéreos a diferença é significativa quer em quantidade quer em qualidade e nem é pela altura de ambos uma vez que Ebuehi tem mais um centímetro que o Português (1.87 vs. 1.86). Se em termos quantitativos a questão pode estar na forma de jogar da sua equipa e dos adversários (menos jogo aéreo) já em termos qualitativos não há dúvidas, Ebuehi é mais fraco.

No capítulo ofensivo o panorama é semelhante com André Almeida à frente na maioria dos componentes. O Português cruza o dobro das vezes do Nigeriano mas isso pode não ser problemático uma vez que é natural que um lateral de uma equipa candidata ao título tenha mais oportunidades do que o lateral de uma equipa do meio da tabela. Na qualidade do cruzamento estão próximos e o mesmo se passa com os passes curtos. No passe longo tem vantagem Ebuehi com mais passes tentados e com melhores resultados. A principal diferença entre os dois é mesmo o drible que o Nigeriano consegue fazer com sucesso quase o dobro das vezes que o Português, para um lateral é bastante interessante este número.

Depois disto fui espreitar alguns vídeos do jovem lateral para tentar perceber se salta alguma coisa à vista, e salta. A primeira coisa que salta à vista é que tacticamente o Ebuehi não é perfeito. Isto pode estar muito relacionado com o treinador da equipa e a forma como organiza a sua equipa em termos defensivos. O exemplo que mostro a seguir viu-se por diversas ocasiões sobretudo num jogo mais complicado contra o Ajax (que acabaram por empatar).

No segundo jogo que espreitei (vitória por 4-1 frente ao Excelsior) o jovem lateral esteve mais envolvido (inclusivamente fez uma assistência fruto de um cruzamento) e esteve bastante melhor em termos posicionais. Há outra coisa que me chamou a atenção que foi a linguagem corporal de Ebuehi. O Nigeriano parece estar sempre nervoso dentro do campo e reage negativamente sempre que alguma coisa não corre bem a ele ou à equipa, mas tudo isto pode estar relacionado com o facto de ter apenas 22 anos e jogar com frequência a um nível alto apenas há dois anos. Mesmo quando comparamos os números com André Almeida não podemos perder de vista este facto, o Nigeriano tem menos 5 anos do que o Português! Cinco anos em futebol é uma vida! Em suma, parece-me um jogador com potencial e pode vir a ser importante daqui a algum tempo mas não será a solução para titular já na próxima época. É no entanto uma solução mais interessante para segunda opção do que o empréstimo de Douglas.


Reportar artigo?

Comentários


<- Voltar