Onde dá a Bola?

Artigo de Opinião

Quer escrever artigos de opinião? Contacte-nos aqui!.

Ranking Onde Bola 2017-2018 - jornada 22

Melhor Onze da jornada 22 da Liga NOS

Ranking Onde Bola 2017-2018 - jornada 22

A jornada 22 da Liga NOS terminou e na frente ficou tudo na mesma. Os três grandes ganharam os seus jogos com relativa facilidade, sobretudo o FC Porto que goleou o D. Chaves por 4-0 num jogo muito interessante e que provou que Sérgio Conceição está a fazer um trabalho impressionante. Sem Ricardo Pereira, Marcano, Danilo, Brahimi e Aboubakar, estava à espera que o Porto tivesse dificuldades num campo dificílimo e contra um Chaves que tem jogado muito bem, tem qualidade e um modelo de jogo interessante. O jogo começou equilibrado mas depois do primeiro golo só deu Porto, que esteve sempre muito equilibrado e permitiu poucas oportunidades ao Chaves. Sporting e Benfica ganharam com algum esforço, mais ou menos espectável.

Na baliza regressa Cássio ao onze da semana depois de uma ausência por lesão. Já o disse anteriormente, aos 37 anos está melhor do que nunca e se fosse mais novo ia certamente dar o salto. No quarteto defensivo temos Maxi na direita, que mesmo sem grande ritmo não sabe jogar mal e Felipe que tem mantido uma regularidade impressionante. Bruno Viana é o segundo central e também já não é a primeira que faz parte do onze da semana. Na esquerda temos a estreia de Quiñones que após 3 épocas no FC Porto, quase sempre na equipa B ou emprestado, acabou por não cumprir o seu potencial e tem agora uma segunda oportunidade na europa que parece estar a aproveitar com sucesso. Esta semana ganhou 14 duelos, bloqueou 1 remate, recuperou 8 bolas, fez 4 intercepções e 2 desarmes e ainda 1 passe para finalização, 2 dribles, 1 cruzamento (50% de sucesso) a que juntou 85% de sucesso no passe sendo que no passe longo acertou 4 em 6 (67%).

Os dois médios são Felipe Melo e Herrera. O médio do Chaves é uma estreia, mesmo não tendo sido uma exibição muito convincente (a sua equipa foi goleada em casa) foi o melhor médio defensivo da semana. Já o Mexicano do FC Porto esteve francamente bem, sobretudo no capítulo defensivo e no passe. Na defesa conseguiu 11 duelos ganhos, 9 recuperações, 1 intercepção e 5 desarmes e juntou a isso 1 assistência, 1 passe para finalização, 1 remate e 2 dribles com um total de 85% de sucesso no passe.

No ataque temos dois extremos do Sporting CP: Gélson Martins e Bryan Ruiz, que sem deslumbrar voltam à equipa da semana. Foram os principais responsáveis pela vitória da sua equipa e pelos principais desequilíbrios ofensivos. No centro do ataque a notícia é a ausência de Jonas que esteve francamente abaixo do normal e ainda por cima lesionou-se com alguma gravidade. Esta semana são Marega e Paulinho os melhores da semana. O Maliano do FC Porto juntou ao golo marcado 2 remates enquadrados, 1 drible e 1 cruzamento (100%). O problema do avançado do FC Porto é que em termos de participação colectiva (com passes) está sempre abaixo da média, muito por causa da forma como a equipa está montada, mas não deixo de realçar a importância que o avançado tem no líder do campeonato. Já Paulinho fez um golo, 2 passes para finalização, 2 remates, 1 drible e 72% de sucesso no passe.

 


Reportar artigo?

Comentários


<- Voltar