Onde dá a Bola?

Artigo de Opinião

Quer escrever artigos de opinião? Contacte-nos aqui!.

Top Onde Bola 2017-2018 - jornada 26

Melhor 11 da jornada 26 da Liga NOS

Top Onde Bola 2017-2018 - jornada 26

Mais uma jornada e desta vez com alterações nos da frente. O FC Porto, líder isolado, perdeu em Paços de Ferreira e permitiu a aproximação dos dois rivais directos.

O campeonato voltou a ter alguma emoção e as três equipa ainda ambicionam o título. Em relação ao onze da semana as exibições dos grandes não foram famosas e por isso apenas Benfica (com 2) e Sporting (com 1) têm jogadores no onze da semana. Vamos ao detalhe.

Guarda-redes e defesas totalmente de equipas "pequenas" o que diz bem das dificuldades que os grandes passaram. Boavista com Vagner e Rafael Rossi em bom plano e o Tondela com o lateral direito David Bruno bastante interventivo. O destaque do sector vai para o lateral esquerdo do Marítimo, Rúben Ferreira, que esta semana conseguiu 9 duelos ganhos, 9 recuperações, 5 intercepções e 2 desarmes a que juntou 2 assistências, 2 passes para finalização e 1 drible.

No meio campo esta semana estreia-se David Simão com uma belíssima exibição: 1 golo, 4 passes para finalização, 1 remate enquadrado, 2 dribles, 2 cruzamentos (67% de sucesso) e 80% de sucesso no passe. A acompanhar o jogador do Boavista temos novamente Fejsa, cuja subida de forma desportiva muito tem contribuído para a melhoria exibicional do SL Benfica.

No ataque temos novamente Cervi e Tyler Boyd nos corredores com exibições razoáveis. Já referi que Cervi está num momento de forma fantástico e tem sido fundamental para a recuperação da sua equipa. O Neozelandês do Tondela é também repetente no onze da semana e pode estar a um passo de dar o salto para uma equipa mais interessante que pode ser o regresso à equipa que detém o seu passe, o Vitória de Guimarães. No centro do ataque desta vez não temos Jonas (que foi terceiro, ainda assim) e temos de novo Bas Dost que em 34 minutos fez 2 golos, 2 passes para finalização, 1 drible e 9 passes todos com sucesso! Se mantivesse esta média em 90 minutos ultrapassava certamente os números de Messi. Na companhia do Holandês está o Brasileiro Rodrigo Pinho do Marítimo que fez 1 golo, 1 passe para finalização, 2 remates e 14 passes (88% de sucesso) em 76 minutos.


Reportar artigo?

Comentários


<- Voltar