Onde dá a Bola?

Artigo de Opinião

Quer escrever artigos de opinião? Contacte-nos aqui!.

O caso Carrillo que a Imprensa abafou

Dois pesos e Duas medidas da Comunicação Social Portuguesa

O caso Carrillo que a  Imprensa abafou

E eis que de forma tímida e já com alguns dias de atraso, o Jornal CM refere um caso que se passou no balneário do Benfica e que nem Record, Bola ou o Jogo deram como notícia, porque notícia era a falha de Slimani ao treino e que mais tarde se comprovou que foi com autorização do clube e após conversa com o Treinador Jorge Jesus.
É aqui que não se compreende o fazer jornalismo em Portugal, será que os próprios jornalistas que deviam ser isentos não conseguem despir a camisola?
Bem sei, que é apenas uma suposição da minha parte ou as ditas fontes que os jornalistas têm não estão funcionar de maneira igual em todos os clubes ou melhor, só interessa que saía cá para fora, polémicas de um só clube, neste caso, do Sporting.
Segundo vi na televisão do clube, um comentador afirmava que a imprensa ( e com razão ) estava a fazer do facto de Slimani não ter ido treinar um caso que tal como o caso João Mário, não era caso nenhum, abafando por completo, uma discussão entre André Carrillo e Luisão em pleno balneário, deixando o jogador peruano em maus lençóis.
Não é por acaso, que se fala na possibilidade de o jogador ser vendido ainda nesta janela de transferências, e faz sentido, é só juntar agora as peças do puzzle... O balneário encarnado não gostou de ver Carrillo a pôr em causa a autoridade do eterno capitão Luisão.
Estranho mesmo é os dois pesos e as duas medidas da Comunicação Social que nunca fizeram qualquer referência a este episódio, a não ser hoje como já referi em cima, o CM de forma tímida e já com alguns dias de atraso.
Portugal merece mais e melhor jornalismo desportivo e um jornalismo independente e isento.


Filipe Simões


Reportar artigo?

Comentários


<- Voltar