Onde dá a Bola?

Artigo de Opinião

Quer escrever artigos de opinião? Contacte-nos aqui!.

Sporting CP interessado em Paulinho

Mercado de transferências Liga NOS

Sporting CP interessado em Paulinho

No dia 02 de Outubro, no post com a equipa da jornada 8 da Liga NOS avançávamos a possibilidade de Paulinho, extremo do Portimonense, dar o salto qualitativo na carreira em breve caso continue com as exibições que tem alcançado.

"Paulinho (brasileiro de 23 anos) tem sido uma das revelações do campeonato fora dos grandes com constantes boas exibições e com grande regularidade. Nesta jornada conseguiu 11 recuperações de bola, 1 assistência, 3 passes para finalização, 1 drible e 1 cruzamento (sem nenhum falhado!). No passe foi interessante sobretudo no passe longo com 6 bem sucedidos em 9 tentados. Paulinho vai dar o salto muito em breve caso mantenha este nível."

Cinco dias depois deste post começam a sair notícias sobre o interesse do Sporting no brasileiro de 23 anos. E o interesse faz todo o sentido uma vez que o brasileiro tem, de forma consistente, apresentado níveis acima da média. Os números assinalam este facto e os jogos que tenho visto confirmam.

Este é um exemplo claro da importância que a análise estatística tem no futebol moderno. É humanamente impossível seguir todos os jogos de todos os campeonatos de todos os continentes, mas é importante que os clubes de top tenham um conhecimento o mais abrangente possível de todos os mercados, porque o talento aparece nos sítios mais estranhos. Para uma triagem de potencial nos campeonatos menos mediáticos é fundamental, para além de uma alargada rede de olheiros, criar um conjunto de indicadores de performance, individuais e colectivos, que servem para avaliar de forma rápida o potencial dos jogadores. Com isto podem depois criar-se "shortlists" de jogadores que esses indicadores fazem sobressair para serem avaliados em contexto de jogo, seja localmente seja com recurso a jogos gravados. Obviamente que todos os clubes de top já fazem isto hoje em dia, com indicadores muito mais sofisticados que estes, com recurso a informação de tracking (posicionamento de todos os jogadores ao segundo) que permite criar indicadores colectivos que dão ideia do comportamento de cada jogador e da equipa de forma mais rigorosa, tendo em conta o contexto de cada jogador.


Reportar artigo?

Comentários


<- Voltar