OndeBola - Onde dá a Bola?

Artigo de Opinião

Quer escrever artigos de opinião? Contacte-nos aqui!.

Um Porto Campeão

Dragões mais competentes...

Um Porto Campeão

O Porto é Campeão Nacional...

A duas jornadas do fim, os dragões sagraram-se campeões nacionais, ganhando o duelo frente ao rival Benfica num campeonato praticamente a dois. Foi aos pés do outro rival de Lisboa, o Sporting composto por leõezinhos que se confirmou a conquista do título, vencendo por 2 bolas a 0, quando bastava o empate.

O regresso do futebol no pós pandemia, trouxe um Porto competente, um Benfica incompetente e um Sporting personalizado eficaz que na era Amorim, só perdeu com o já campeão.

O Benfica em queda livre, em desvantagem no confronto directo com os dragões tombou com um estrondo após o regresso do futebol, ao ponto de a comunicação social ainda dar aso à imaginação levantando a possibilidade de o Sporting ainda chegar ao 2º lugar. Naturalmente, era uma desgraça ainda maior tal acontecer.

Aconteceu tudo aos encarnados, maus resultados, más exibições, mau ambiente, despedimento do treinador Bruno Lage, descontentamento dos adeptos, agressões, ameaças aos jogadores, enfim... Tudo foi mau para não dizer horrível a vida do poderoso e milionário Benfica que tanto investiu para ganhar até agora nada.

Parabéns ao Porto, Sérgio Conceição construiu uma equipa à pressa, depois de várias saídas, as contratações foram em cima da meta, mas a tempo de conquistar o seu 29º campeonato. Nem tudo foi fácil nesta caminhada triunfal nos azuis e brancos, mas foi a equipa mais esclarecida e eficaz nas 32 jornadas já disputadas. Apesar de alguns episódios negativos, como os amuos de Danilo e Marega, castigados internamente, o pós pandemia ainda trouxe ao Dragão novos craques vindos da formação, Fábio Vieira e Vitor Ferreira, dois novos campeões nacionais.

O Porto venceu ainda os 4 clássicos frente aos dois rivais de Lisboa, mostrando ainda a justiça e superioridade dos dragões em relação à concorrência.

Uma palavra final para o Sporting... Uma época atribulada, divisões internas, um ambiente hostil, com mudanças de treinador, saídas de jogadores fundamentais como Bruno Fernandes, uma época antes da Pandemia horrível, mas com a entrada de Amorim, uns acertos no plantel, a aposta nos miúdos da formação que tão boas indicações deixaram, fizeram do Sporting a equipa mais eficaz e que melhores resultados tiveram no campeonato no regresso do futebol.

Os leões com muito talento da formação foram a equipa que mais pontos fizeram, tendo apenas uma derrota, precisamente no Dragão, perante o Porto. Mérito de Ruben Amorim, criticado pelo preço que custou, mas nota-se já ali trabalho, evolução e sem medo de apostar nos miúdos da Academia. Jogadores como Eduardo Quaresma, Nuno Mendes, Mateus Nunes, Jovane Cabral, Camacho, Plata, Joelson Fernandes e Francisco Geraldes foram lançados aos tubarões e foi sem medo que venceram esse desafio.

O Sporting tem ainda um objectivo em jogo, manter o 3º lugar no campeonato e terá para isso, de manter a tranquilidade e o foco como até aqui na era Amorim, para alcançar o objectivo. Mas atenção ao Braga que está atento e ao mínimo deslize, não irá desperdiçar a oportunidade.

Parabéns Porto, o mais forte, o mais competente, num campeonato esquisito, à porta fechada, o campeonato Covid 19.

Texto por Filipe S.


Reportar artigo?

Comentários


<- Voltar