OndeBola - Onde dá a Bola?

Artigo de Opinião

Quer escrever artigos de opinião? Contacte-nos aqui!.

PORTUGAL RUMO AO EURO

Defender o título que é nosso desde 2016 no Grupo da Morte...

PORTUGAL RUMO AO EURO

A Seleção Nacional de Portugal já está na Hungria para participar na Fase Final do Campeonato da Europa 2020 que devido à pandemia só se vai realizar em 2021.

É hoje por volta das 20h que no jogo de abertura, Turquia e Itália irão tentar conquistar a primeira vitória e com isso entrar neste torneio com o pé direito. A nossa Seleção só entra em campo na próxima terça feira, dia 15, frente à Hungria, que jogará em casa e será sempre um adversário a ter em conta.

Portugal está no plano teórico no chamado grupo da morte, onde o detentor do troféu, precisamente a nossa Seleção irá defrontar dois grandes e fortes candidatos à conquista deste Europeu, nada mais nada menos que a poderosa Alemanha e a fortíssima França.

Ainda no plano teórico, a Hungria será talvez a formação mais acessível, mas por vezes, os mais fracos são os mais difíceis de ultrapassar e têm sempre uma palavra a dizer na classificação do Grupo D.

O nosso selecionador parte cheio de ambição, sabe antemão, que todas as Seleções irão querer derrotar o Campeão Europeu, mas é também na sua crença que tal como em 2016, Fernando Santos só pretende regressar a Portugal dia 12 Julho, um dia após a final.

Este será também um Campeonato da Europa diferente, o primeiro a ser disputado em várias cidades de diferentes países, por exemplo, Portugal jogará o primeiro jogo na Hungria, o segundo na Alemanha e o terceiro novamente na Hungria. O treinador de Portugal já veio a público reconhecer alguma injustiça no sorteio, já que os alemães jogam os 3 jogos desta fase de grupos precisamente no seu país, perante o seu público, o que poderá ser uma vantagem.

Os nossos jogadores encaram com confiança e motivação este Europeu, que para alguns atletas é uma estreia nestas andanças, mas será sob a batuta de CR7 que a nossa orquestra irá tocar, Cristiano Ronaldo persegue mais um recorde e tenta nesta competição aproximar-se ainda mais dos 109 golos de Ali Daei.

Alemanha e França trazem para este Europeu uma constelação de estrelas.

Os alemães têm no veterano Muller, e nos jovens Harvertz, Gnabry, Sané e Werner os homens golo, no meio campo existe a qualidade de Kroos e Gundogan, muito bem guardados por Neur que é só um dos melhores guarda redes do mundo e uma defesa composta pelo regresso de Hummels, a forma de Rudiger e a irreverência de Kimmich.

A França tem o regressado Benzema, mas irá aproveitar a boa forma de Giroud e ainda a qualidade de Mbappé e Griezman, ficando ainda com a possibilidade de utilizar jogadores de craveira mundial como Dembele, Ben Yedder ou Thuram.

Loris é um defensor da baliza francesa e se não houver azar será o dono das redes gaulesas, na defesa brilham nomes como Upamecano, Varane ou Umiti, com um meio campo de luxo, onde Kanté e Pogba são os homens mais, não esquecendo ainda de jogadores como Rabiot ou Tolisso. 

A Hungria, tem poucos nomes sonantes e conhecidos do grande público, pelo que o seu conjunto valerá pelo seu todo, no espírito de equipa e na raça, mesmo assim o seu craque ficou de fora devido a lesão, o que é sempre uma baixa de peso na Seleção da Hungria.

As estrelas desta seleção serão talvez Szoboszlai e Gulácsi ambos do Leipzig da Alemanha, sendo que só o segundo irá dar o contributo à Seleção neste Europeu.

Nos outros grupos, existes favoritos, mas nem tudo o que parece é.

No Grupo A, à partida, Itália é favorita e depois Suíça, Turquia e País de Gales irão tentar disputar a última vaga, enquanto no Grupo B, a Bélgica parte claramente à frente das restantes, sendo que a seguir a Rússia terá melhores condições de seguir em frente, Dinamarca e Finlândia serão outsiders.

No Grupo C, os Países Baixos serão talvez o mais forte candidato, com a Ucrânia e a Austria à espreita perante a estreia da Macedónia do Norte. Já no Grupo D, Inglaterra e Croácia são favoritos, com a Escócia e a Rep. Checa a tentarem estragar os planos dos adversários.

Agora no Grupo E, a Espanha é claramente favorita, com Polonia e Suécia a lutar pelo segundo lugar, e a Eslováquia a ver o que isto pode dar.

No Grupo F, o de Portugal, temos aqui além da nossa seleção que é favorita, até porque é a Campeã Europeia em título, Alemanha e França vão querer marcar a sua posição de candidatas e alguém vai ficar de fora, o que esperamos não ser Portugal, com a Hungria a tentar complicar as coisas aos favoritos.

O Campeonato da Europa começa hoje ás 20h e temos 1 mês de futebol para ver a magia das Seleções e que no fim, Portugal consiga trazer o caneco para terras lusas.


Reportar artigo?

Comentários


<- Voltar